HYPERLOOP ESCOLHE CONTAGEM PARA INICIAR PROJETO NO BRASIL

Contagem terá centro de pesquisa, de empresa referência mundial
no setor de logística

Stella Santiago
Repórter

Se você passou os últimos dias tentando descobrir o que Contagem tem em comum com Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos), Los Angeles (Estados Unidos) e Toulouse (França), o mistério foi desvendado nesta sexta-feira (6). A Prefeitura anunciou a parceria com a Hyperloop Transportation Technologies (HyperloopTT) para a instalação
de um centro de pesquisa e desenvolvimento da startup multinacional no Centro de Memória do Trabalhador da Indústria. Instalada nos países citados acima, a Hyperloop escolheu Contagem para iniciar seu projeto no Brasil.
Cidades de 140 países disputaram a preferência da multinacional, que desenvolve um sistema de transporte de passageiros e cargas por meio de cápsulas que se movem dentro de tubos metálicos com ar de baixa pressão. A escolha por Contagem foi motivada, entre outras coisas, pela vocação do município pela inovação na indústria 4.0. O
Centro Global de Inovação e Logística, como será chamado, vai ser o quarto polo de Pesquisa & Desenvolvimento (P&D) da Hyperloop no mundo e o único dedicado ao desenvolvimento da tecnologia para o transporte de carga.
Para a criação do Centro, o prefeito de Contagem, Alex de Freitas, e o presidente e co-fundador da Hyperloop, Bibop Gresta, assinaram um protocolo de intenção firmando a parceria. Também são parceiros do empreendimento o governo de Minas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig), Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) e Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI).
A parceria público-privada (PPP) terá investimento de cerca de R$ 26 milhões em sua primeira fase, com contribuições da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sedectes), Hyperloop e outros investidores privados. A Prefeitura cedeu o Centro de Memória do Trabalhador da Indústria,
espaço com 22 mil metros quadrados e 4 mil metros quadrados de área construída.
Para Alex de Freitas, compartilhar o conhecimento com os estudantes e instituições de ensino é o maior valor agregado com a chegada da Hyperloop à cidade. “Agora temos em comum com outras três grandes cidades uma empresa de tecnologia muito bem-sucedida, que está se propondo a fazer uma revolução na área de transportes
tanto de passageiros como de carga. Ser sede do quarto centro de pesquisa e desenvolvimento da Hyperllop no mundo proporciona a Contagem um orgulho enorme. Estamos atraindo grandes investimentos, continuamos
com um potencial incrível e vamos acreditar e ter cada vez mais esperança rumo a um futuro melhor para nossa
cidade. Os efeitos disso serão muito positivos para a geração de riqueza e conhecimento e para a autoestima
da população”, disse. Bibop Gresta também comemorou a parceria.
“Hoje é um dia memorável, pois começamos a escrever um novo capítulo na história do transporte. Com uma posição geográfica estratégica, alta concentração de grandes indústrias e uma dedicação à inovação, Contagem é o local ideal para o Centro Global de Inovação em Logística da Hyperloop”, destacou o presidente da multinacional.
Uma das colaboradoras da Hyperloop, a astronauta da Nasa Yvonne Cagle prestigiou o evento e contou como começou o fascínio dela pelo espaço, em 1969, com a chegada do homem à lua. Ela destacou a importância do
trabalho feito pela startup “A Hyperloop desenvolve um modelo maravilhoso de transporte, que reúne colaboração interdisciplinar.
Reúne talentos e trabalhamos para transformar a humanidade”, disse. Também pesaram na escolha da Hyperloop
por Contagem o planejamento da Administração Pública Municipal para a atração de indústrias 4.0, a capacidade logística do município, que é cortado pelas principais rodovias de Minas Gerais e já conta com grandes empresas
do ramo, os investimentos em mobilidade urbana que serão feitos pela prefeitura nos próximos três anos, de mais de R$ 1 bilhão, e o espaço onde a planta será instalada, em uma área nobre da cidade, que exigirá pouquíssimas intervenções, o que acelerará a implantação do projeto.
A chegada da HyperLoop não é um fato isolado em Contagem. A prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, tem um planejamento para desenvolver projetos e receber empresas de alta tecnologia e não-poluentes, transformando a Regional Vargem das Flores em um polo de inovação e referência nacional no
tema. A Prefeitura também vai anunciar neste ano a Lei de Incentivo à Inovação e a criação de cursos técnicos na Fundação de Ensino de Contagem (Funec) para atender a demanda dessas empresas de tecnologia.
Além disso, a geração de mão de obra qualificada promete mudar os rumos da educação na cidade.
Com operações previstas para este ano, o Centro Global abrigará a divisão de pesquisas de logística da Hyperloop,
um laboratório de fabricação e um ecossistema de empresas líderes globais, startups, universidades,
cientistas e governos de todo o mundo focados em resolver crescentes questões em logística.
A multinacional também está lançando sua primeira Hyperloop Academy no Brasil, para executar projetos, treinamentos e parcerias com centros de conhecimento, como universidades, centros de P&D, startups e outras organizações.
A Hyperloop Academy oferecerá oportunidades para a próxima geração de engenheiros, criativos e tecnologias para desenvolver o futuro do transporte. Hyperloop TT escolhe Contagem para iniciar projeto no Brasil Contagem terá centro de pesquisa, de empresa referência mundial no setor de logística.

Fotos: Elias Ramos

 

recommend to friends
  • gplus
  • pinterest