Lula fora da eleição

Por maioria, o TSE decidiu, na noite de sexta-feira, 31 de agosto, que o ex-presidente Lula, por razão de sua condenação em segundo grau em órgão colegiado, não pode ser candidato à presidência. Cabe ao Partido dos Trabalhadores (PT), nos próximos dias, definir o substituto do ex-presidente. Fernando Haddad, ex-prefeito de São Paulo, hoje vice na chapa registrada, deverá ser o “cabeça de chapa”, com Manuela D’Ávila como vice.

recommend to friends
  • gplus
  • pinterest