19º Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza em Contagem

By

Entre o público prioritário estão gestantes, idosos e professores

A Secretaria  de Saúde iniciou, nesta segunda-feira (17), a 19º Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza em Contagem, que segue até 26 de maio. O Ministério da Saúde (MS) determinou como público prioritário deste ano as crianças de 6 meses a menores de 5 anos (4 anos, 11 meses e 29 dias), pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto) e idosos acima de 60 anos.

Também estão entre as prioridades de vacinação pessoas privadas de liberdade (detentos), incluindo adolescentes e jovens de 12 a 21 anos em medidas socioeducativas, funcionários do sistema prisional, trabalhadores da saúde e indígenas. A novidade de 2017  está relacionada aos professores da educação infantil, ensino fundamental, médio e superior (da rede pública e particular), que passam a fazer parte do grupo prioritário.

Em Contagem, uma ação especial também começa nesta segunda para vacinar os acamados cadastrados nas unidades de saúde. Neste caso, equipes da Saúde da Família vão até a residência da pessoa para fazer a imunização.

Segundo a coordenadora da Central de Imunização de Contagem, Fernanda Elisa Ferreira de Almeida, a distribuição das vacinas será feita em sete lotes. O primeiro, com 34.300 doses, já foi entregue nas 48 salas de vacinação da cidade. Até o final da campanha serão distribuídas 149 mil doses.

Sobre a eficácia da imunização e possíveis efeitos colaterais, Fernanda Elisa explica que a vacina é um vírus morto e inativado, o que elimina o risco de doença. “Quanto à reação adversa, ela é natural em qualquer vacina, sendo que na da gripe pode surgir febre, vermelhidão e um desconforto no local, que pode durar até dois dias. A recomendação é fazer compressa fria. Crianças dentro da faixa etária preconizada pelo Ministério da Saúde e idosos devem se vacinar, já que estão mais propensos a pegar gripe, que pode desencadear em pneumonia”, destaca a especialista.

A vacina é uma das medidas mais efetivas para a prevenção de complicações provocadas pelos vírus da Influenza A (H1N1, H3N2) e Influenza B, que estão em circulação em 2017.

Documentos

Para se imunizar, a pessoa deve apresentar o cartão de vacinação para registro da dose e verificação da necessidade de atualizar outra vacina. Os doentes crônicos também devem apresentar a prescrição médica especificando o motivo da indicação da vacina ou receita de medicamentos que comprovem a doença.

Para essa campanha, a população de Contagem conta com 48 salas de vacinação. A do bairro São Luiz, no distrito Petrolândia, que estava fechada há mais de um ano devido a problemas na rede elétrica, voltou a funcionar normalmente. “Vamos trabalhar para ultrapassar o que estipula o Ministério da Saúde, de imunizar ao menos 90% do público prioritário”, destaca o secretário Municipal de Saúde, Bruno Diniz.

Confira as doenças crônicas que desencadeiam prioridade na vacinação: cardiopatias crônicas, comunicantes domiciliares de imunodeprimidos, diabetes mellitus, doenças respiratórias crônicas, doença renal crônica, doença hepática crônica, doenças neurológicas crônicas incapacitantes, fibrose cística, hipertensão arterial sistêmica com comorbidade, Aids, imunodeficiências congênitas; imunodepressão devido ao câncer ou à imunodepressão terapêutica, implante de cóclea, obesos graus III, pneumopatias crônicas e síndrome de Down.

Confira as Salas de Vacina do município:

Distrito Sanitário Sede
– Unidade Básica de Saúde Centro (CAD) – rua Bernardo Monteiro, 63 – bairro Centro
– Unidade Básica de Saúde Praia (ESF Granja Vista Alegre, ESF Granja Ouro Branco, ESF Barroquinha) – rua do Registro, S/Nº, bairro Praia
– USF Linda Vista (USF 16) – rua Vereador Dias Diniz, 52 – bairro Linda Vista
– USF Perobas (USF 70) – rua Doze, 43 – bairro Perobas.
– USF Maria Da Conceição (USF 71) – rua Pitangui, 232 – bairro Maria da Conceição

Distrito Sanitário Nacional
– Unidade de Referência para a Saúde da Família Nacional (URSF) – rua Floriano Peixoto, 645 – bairro Nacional
– UBS Nacional (USF 23 Nacional II – USF 24 Nacional III) – rua Benjamim Constant, 701 – bairro Pedra Azul
– UBS Estrela Dalva (USF 20 Lua Nova Pampulha – USF 30 Confisco I – USF 54 Estrela Dalva) – rua Búzios, 56, bairro Estrela Dalva
– UBS Amendoeiras (USF 25 Vale Das Amendoeiras – USF 26 Pedra Azul – USF 27 Carajás) – rua 06, 52, bairro Vale das Amendoeiras
– UBS Joaquim Murtinho – rua Lúcia Muniz, 476 – bairro Joaquim Murtinho

Distrito Sanitário Ressaca
– UBS Parque Turista (USF 34 Santa Luzia – USF 35 Parque Recreio) – rua Paraopeba, 315, bairro Parque Turista
– USF Novo Progresso II (USF 39) – rua Alvimar Carneiro, 1.643 – bairro Novo Progresso
– USF Morada Nova (USF 46) – rua Morada Nova, 20 – bairro Morada Nova
– USF Novo Boa Vista (USF 48) – rua Iracema, 161- bairro Jardim do Lago
– USF Oitis – rua 34, 499, bairro Oitis

Distrito Sanitário Petrolândia
– Unidade Básica de Saúde Bernardo Monteiro – rua Wilson Jose de Souza Bicalho, 40, bairro Bernardo Monteiro.
– Unidade de Referência para a Saúde da Família Petrolândia (URSF) – rua Refinaria Duque de Caxias, 297 – bairro Petrolândia
– UBS Campo Alto (USF 17 Campo Alto – USF 61 Tropical I) – rua A, 27 – bairro Campo Alto
– USF São Luiz I (USF 56) – rua Simonésia, 850- bairro São Luiz
– UBS Sapucaias (USF 60 Sapucaias I – USF 87 Sapucaias II) – rua Amazonita, 230 – bairro Sapucaias
– USF Santa Helena I (USF 64) – rua Délio da Consolação Rocha, 705 – bairro Santa Helena

Distrito Sanitário Eldorado
– Unidade Básica de Saúde Novo Eldorado – rua Tubira, 173 – bairro Santa Cruz
– Unidade Básica de Saúde Água Branca – rua Aurelio Lopes, 115- Conjunto Água Branca
– Unidade Básica de Saúde Jardim Bandeirantes – avenida Água Branca, 817- bairro Bandeirantes
– Unidade Básica de Saúde Eldorado – rua Portugal, 50 – bairro Eldorado
– Unidade Básica de Saúde Unidade XV – rua Das Mangueiras, 209 – bairro Eldorado
– Unidade Básica de Saúde Monte Castelo – rua Padre José Maria De Man, 192 – bairro Riacho
– Unidade Básica de Saúde Novo Riacho – rua Rio Orenoco, 457 – bairro Riacho das Pedras
– Unidade Básica de Saúde Sesc Contagem – rua Padre José Maria De Man, 805 – bairro Riacho das Pedras
– Unidade de Referência para a Saúde da Família (Parque São João) – rua Sete, 54 – bairro Parque São João
– UBS Jardim Eldorado (USF 74 Jardim Eldorado I – USF 75 Jardim Eldorado II) – rua Canafístula, 245 – bairro Jardim Eldorado

Distrito Sanitário Vargem Das Flores
– UBS Retiro (USF 01 Retiro I – E 03 USF Retiro III) – rua dos Imigrantes, S/Nº – bairro Retiro
– UBS São Judas Tadeu (USF 04 São Judas Tadeu I – USF 06 São Judas Tadeu III) – rua VP 2, 1839 – bairro Nova Contagem
– UBS Nova Contagem (USF 7 Nova Contagem I e USF 8 Nova Contagem II) – rua VP 1, S/N – bairro Nova Contagem
– USF Darcy Ribeiro (USF 14) – rua Vl 12 135 – bairro Darcy Ribeiro
– USF Icaivera (USF 15) – avenida Sycaba, 10 – bairro Icaivera
– USF Ipê Amarelo (USF – 12) – rua Ipê, 218 – bairro Ipê Amarelo

Distrito Sanitário Industrial
– Unidade de Referencia Saúde da Familia (URSF Industrial) – rua Marques de Paraná, 9 – bairro Amazonas.
– Unidade Básica de Saúde Amazonas – rua José Antunes, 58 – bairro Amazonas
– Unidade Básica de Saúde Amazonas – rua Marques de Paraná, 111 – bairro Amazonas.
– Unidade Básica de Saúde Riacho – rua Rio Verde, 171 – bairro Riacho
– Unidade Básica de Saúde Flamengo – rua Monsenhor Messias, 456 – bairro Flamengo
– Unidade Básica de Saúde Jardim Industrial – rua Henrique Zikler, 97 – bairro Jardim Industrial
– Unidade Básica de Saúde Industrial III Seção – rua Cel. Américo Leite, 464 – bairro Industrial
– Unidade Básica de Saúde Vila São Paulo – rua Padre Flávio, 172 – bairro Vila São Paulo
– UBS Vila Diniz (USF 77 Vila Diniz I e USF 88 Vila Diniz II) – rua Ozório De Moraes, 957 – bairro Cidade Industrial

 

Foto: Reprodução Internet

Você pode querer ler

Mais quentes