Prefeita se reúne com administradores regionais e faz balanço das plenárias realizadas em cada território, que envolveram 3015 participantes em eventos virtuais

By

A prefeita Marília Campos participou na manhã desta quinta-feira (13/5) de um encontro virtual com os administradores e assessores para avaliar as reuniões on-line realizadas com a população nas oito regionais administrativas da cidade. Ao todo, 3015 pessoas participaram das rodadas que sacramentaram o início da proposta de participação popular na cidade. No encontro foi discutida também a criação dos comitês regionais e seu papel perante a sociedade e o poder público.

As reuniões com as regionais ocorrem nos meses de abril e maio e foram pautadas pelo propósito de criar uma gestão mais próxima da realidade do cidadão de Contagem, que discuta no seu território problemas e soluções. Uma gestão com foco na participação popular e no diálogo.

A população atendeu ao chamado da Prefeitura e marcou presença nos eventos: cerca de 400 pessoas em cada plenária, público formado por lideranças e moradores e moradoras, além de vereadores, vereadoras, gestores públicos, secretários e servidores municipais. Todas as reuniões contaram com a presença da prefeita Marília Campos.

O secretário de Governo, Pedro Amaral, que coordenou os debates, abriu a conversa desta quinta parabenizando o empenho dos administradores regionais em conhecer as demandas dos territórios e ressaltou que foi uma pauta importante na discussão das necessidades do município. “Nós tivemos um público muito grande durante as plenárias, o que nos mostra que nas regionais está sendo feita uma boa mobilização, um diálogo produtivo nos territórios e que nelas já se tem um controle sobre o que foi executado, conhecimento das principais demandas e problemas nestes primeiros quatro meses”, afirmou.

A prefeita Marília Campos disse que foi um acerto muito grande constituir as regionais com esse novo papel de maior proximidade com a população, de ser efetivamente a porta de entrada da comunidade para as suas demandas. Ela também parabenizou os regionais pelo trabalho e dedicação com que eles enfrentam o desafio de administrar os territórios. “Foram escolhas muito acertadas a indicação de todos e todas que estão à frente das regionais e suas respectivas equipes. Mesmo que alguns que não tenham muita experiência, eu vejo muito esforço dessas pessoas em aprender, em articular. Então está sendo uma experiência boa”, afirmou.

A chefe do executivo ouviu as declarações dos administradores e solicitou que eles desempenhem um papel de agentes das políticas públicas do governo. “Vocês precisam se inteirar mais junto dos secretários para que possam governar junto comigo e ser de fato agentes nos territórios e não apenas intermediários com o executivo”.

Durante o encontro, Marília deixou como orientação para os administradores a articulação para a criação dos comitês regionais. “Eles serão os espaços onde vamos definir as ações da Prefeitura, e a população vai ajudar nessas escolhas, do que é prioritário, do que beneficia o maior número de pessoas e que seja do interesse da cidade”.

A prefeita propôs que as administrações regionais criem canais de comunicação para estreitar os laços com a comunidade. “A regional precisa ter o seu canal de comunicação com a população. Cadastre quem for à regional, para vocês poderem se comunicar diretamente com a comunidade, seja para fazer a prestação de contas, seja para informar sobre algum serviço. É importante informar a população das ações que estão acontecendo no governo, que são muitas, e também as da regional. Vocês têm que ser os porta-vozes das boas notícias”, disse ela.

Repórter Milla Silva

Você pode querer ler

Mais quentes