Em edição histórica, boletim da Escola de Enfermagem UFMG reúne ações de combate à Covid-19

By

Ações, projetos, destaques na imprensa e experiências da comunidade acadêmica são apresentados na publicação

 

Escola de Enfermagem da UFMG lançou edição especial do seu Boletim Enformativo, que tem caráter histórico em função do contexto que se instalou com a pandemia do novo coronavírus. A publicação reúne todas as contribuições da Unidade no enfrentamento da Covid-19, os projetos e ações desenvolvidos, depoimentos, experiências de professores, alunos e servidores técnico-administrativos, os destaques na imprensa e os principais posicionamentos da UFMG.

Desde que foi anunciada a suspensão das aulas presenciais no dia 16 de março, a Escola de Enfermagem passou a trabalhar na criação do Comitê Interno de Acompanhamento das Ações de Prevenção e Enfrentamento do Novo Coronavírus, com a finalidade de definir as medidas de restrição social, proteção dos discentes, dos técnico-administrativos e dos docentes.

“Passamos por momentos de muitas discussões, incertezas, dúvidas e inquietações com a manifestação de todos os segmentos da Escola. Muitas perguntas emergiram desse cenário que demandaram tempo para compreender as circunstâncias que estávamos defrontando. As respostas vieram por meio de ações concretas, com uma significativa produção de conhecimento, como forma de assegurar o que poderia e deveria ser feito”, relatam a diretora Sônia Maria Soares e a vice Simone Cardoso Lisboa Pereira.

A pandemia impulsionou a elaboração de diferentes projetos de capacitação para profissionais de saúde, por meio de tecnologias digitais, especialmente da área de enfermagem. “No Boletim, estão apresentados vários projetos de extensão que resultaram na produção de materiais educativos, protocolos e propostas de intervenção. A quantidade de projetos de pesquisa também merece destaque nessa edição. Assim, decidimos apresentar os resultados desse esforço coletivo da nossa comunidade por meio dessa edição especial do nosso Boletim Enformativo, que foi preparado com muito carinho e com a intenção de registrar para as futuras gerações o que vivenciamos em tempos de pandemia”, destacam as gestoras.

 

 

 

Você pode querer ler

Mais quentes