Governo institui GT para elaborar Plano Municipal de Arborização Urbana

By

A Prefeitura de Contagem, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, deu início às tratativas para recompor e ampliar a cobertura vegetal na cidade.  A primeira medida, que consiste na criação de um Plano Municipal de Arborização Urbana (PMAU), busca dentre outras ações, a recomposição das espécies nativas nos bairros e corredores da cidade. No ano passado, cerca de 244 árvores foram cortadas na avenida João César de Oliveira, para obras de mobilidade, causando revolta na população.

O propósito da Prefeitura é trabalhar para fortalecer o bem estar social na cidade, com mais áreas verdes para o lazer e a prática de esportes. Para isso, um Grupo de Trabalho – GT foi instituído pela Secretaria de Meio Ambiente, com o intuito de construir um diagnóstico para subsidiar na elaboração do Plano Municipal de Arborização Urbana (PMAU).

Caberá ao grupo, composto por técnicos da pasta, realizar estudos e elaborar o diagnóstico do mapeamento da cobertura vegetal do município, coletar dados de georreferenciamento das árvores nas ruas e praças e organizar o processo participativo da população na construção das políticas ambientais.  O prazo de execução dos trabalhos é de até 180 dias.

Plano 

Quando ficar pronto, o PMAU vai nortear o município, quanto à gestão planejada e sistematizada de preservação, manutenção e monitoramento das árvores.

Na visão da secretária Maria Thereza Mesquita, a partir das diretrizes do plano municipal, o plantio de árvores de forma coordenada irá reduzir as necessidades de manejos como supressão, substituição e podas e garantir o pleno aproveitamento dos serviços ecológicos. “Contudo, para que a arborização desempenhe todas as suas funções, ela precisa ser bem planejada, discutida com a cidade, adequadamente implantada e corretamente mantida, possibilitando o aumento da resiliência da cidade às mudanças climáticas”, enumerou.

Ainda segundo a titular da pasta, o GT vai começar a atuar, nos principais corredores de trânsito da cidade que sofreram grandes intervenções na arborização, incluindo os parques lineares que serão preparados para receber o novo modelo de arborização.  “Posteriormente, o plano municipal atingirá as vias locais com total participação da comunidade e equipes das regionais. Ao final, o texto será levado para apreciação do Conselho Municipal de Meio Ambiente antes da tramitação ao legislativo”, antecipou Maria Thereza.

Preservação de árvores 

Durante visita às obras do Corredor Ressaca, no bairro Água Branca, dia 20/2, a prefeita Marília Campos determinou que as árvores no local sejam preservadas, sendo suprimidas apenas as necessárias, que ficam no trecho abaixo da rotatória para fazer a terceira pista do complexo, a praça e o parque. Todo o projeto foi readequado pelo atual governo para atender as reivindicações da comunidade e preservar o meio ambiente. Foi também criada uma comissão composta por representantes da comunidade, da Regional Eldorado e da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos, responsável pelas obras na região.

Repórter Bruna Alessandra

Being at your ideal weight for your height and bone structure is of major significance for your overall health. cialis Being overweight or obese can have lots of unfavorable effects on your standard of living, plus on your physical and mental health.

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

Você pode querer ler

Mais quentes