Itambé Minas leva o quinto título sul-americano, sendo o terceiro consecutivo

By

Fotos: Raphael Oliveira/FMV

Mais um para a conta do Itambé Minas. O time comandado por Nicola Negro conclui o Campeonato Sul-americano em primeiro lugar, com quatro vitórias de 3 sets a 0, em quatro jogos. A última rodada desta sexta-feira (21.02), no Sabiazinho, em Uberlândia, contra o Dentil/Praia Clube, rendeu o terceiro título sul-americano seguido e mais uma chance de disputar o Mundial de Clubes.

Os mineiros finalistas da competição sul-americana entraram em quadra pressionados. O Dentil/Praia Clube dominou os clássicos decisivos na temporada, levando o Campeonato Mineiro, Desafio Minas x Rio e Supercopa, mas lutava pelo título inédito. Já o Itambé Minas carregava o fardo das derrotas sofridas contra o Praia na temporada. Apesar de contar com o mesmo objetivo final, as equipes adotaram estratégias diferentes, sendo que o Minas poupou jogadoras que foram importantíssimas no duelo final e o Praia preferiu usar todo o plantel e manter o ritmo forte durante os cinco dias de competição. Pelo sim ou pelo não, o Itambé fechou a sua participação com uma vitória de 3 sets a 0, em parciais de 25/22, 27/25 e 25/16.

O técnico Nicola Negro falou sobre a desconfiança instaurada após a troca de técnico da equipe minastenista e que este título demonstra a força do trabalho atual. “Esse título representa a continuidade de um trabalho iniciado lá atrás, pelo Minas. Esse ano, tivemos algumas mudanças importantes, com a troca do comando técnico e algumas jogadoras. Algumas pessoas, no início, não compreenderam isso, mas o resultado de hoje, mostra que estamos no caminho. Eu dedico esse título à toda a nossa comissão técnica e às jogadoras. É o resultado do trabalho feito em equipe”, destacou o treinador campeão sul-americano 2020.

Além do título continental e a vaga para o Mundial, o Itambé Minas também contou com cinco destaques individuais na Seleção do Campeonato. A búlgara Dobriana Rabadzhieva foi a melhor ponteira. Carol Gattaz foi a melhor central Léia levou o prêmio de melhor líbero e Macrís foi a melhor levantadora. A central Thaisa foi eleita a melhor jogadora do campeonato (MVP). A seleção foi completada pela ponteira Bulaich, do San Lorenzo, pela central Carol e pela oposta Martinez, ambas do Praia Clube.

Terceiro Lugar

O San Lorenzo garantiu a terceira colocação na noite da última quinta-feira (20.02) com duas vitórias de 3 sets a 0, sendo elas contra o Boca Juniors e a Universidad Católica. O Boca Juniors venceu a Universidad Boliviana por 3 sets a 0 na tarde desta sexta-feira (21.02), e fechou a competição em quarto lugar com quatro pontos.

Classificação Final

1º – Itambé Minas

2º – Dentil/Praia Clube

3º – San Lorenzo

4º – Boca Juniors

5º – Unversidad Católica Boliviana

Seleção do Campeonato

Melhor Jogadora – Thaísa – Itambé Minas

Melhor Libero – Leia – Itambé Minas

Melhor Ponteira – Rabadzhieva – Itambé Minas

Melhor Ponteira – Daniel Bulaich – San Lorenzo

Melhor Central – Carol Gataz – Itambé Minas

Melhor Central – Carol Silva – Dentil Praia Clube

Melhor Levantadora – Macris – Itambé Minas

Melhor Oposta – Martinez – Dentil Praia Clube

Você pode querer ler

Mais quentes