Junho Vermelho: Risoleta Tolentino Neves intensifica campanha para incentivar a Doação de Sangue

By

Ações propostas por hospital da UFMG visam evitar o desabastecimento das reservas de sangue em momento grave de Covid-19

 

Durante este mês, o Hospital Risoleta Tolentino Neves terá ações especiais em função do Dia Mundial do Doador de Sangue, comemorado em 14 de junho. Neste momento de pandemia da Covid-19 o cenário é ainda mais desafiador. No Risoleta, por meio da Agência Transfusional, responsável pela captação de doadores e a gestão do estoque, são utilizadas mensalmente, mais de 600 bolsas de sangue nos serviços de assistência.

“Nesse contexto da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), é preciso intensificar as ações de conscientização para a garantia do estoque de sangue e hemocomponentes da Fundação Hemominas que, neste momento, tem enfrentado baixa de reserva”, comenta Márcia Kanadani, médica e referência técnica da Agência Transfusional do Risoleta.

As ações e a divulgação do tema têm como objetivo evitar o desabastecimento das reservas de sangue e ajudar o Risoleta a atender às demandas cirúrgicas, de urgência e emergência.

Ações internas para reforçar a data e a importância do tema:

• Iluminação especial em apoio à data como uma forma de agradecer aos voluntários que ajudam a salvar vidas e um lembrete sobre a importância da doação de sangue;

• Disponibilização de flipchart com dados da doação de sangue próximo ao Refeitório do Hospital e divulgação nos desktops dos computadores, para ressaltar o tema junto aos trabalhadores;

• Inserção de vídeos sobre doação de sangue nas TVs corporativas instaladas nas recepções do Risoleta, atingindo usuários do Hospital;

• Divulgação de filtro personalizado para fotos no Facebook, com foco na população em geral (link www.facebook.com/profilepicframes, digitar Junho Vermelho Risoleta e selecionar a imagem).

Como a população pode doar:

• Agendar doação através do site hemominas.mg.gov.br ou discar 155 (opção 1);

• Os cidadãos também podem utilizar o smartphone, baixando o aplicativo MG APP (disponível para Android e iOS) e buscando por Hemominas;

• Ao comparecer no posto de coleta, mencionar que a doação é em nome do Hospital Risoleta Neves.

Quem pode doar:

• Apresentar boas condições de saúde;

• Ter entre 18 e 69 anos de idade – jovens de 16 e 17 anos podem doar desde que acompanhados de um acompanhante legal e pessoas com mais de 61 anos podem doar desde que tenham realizado pelo menos uma doação antes dos 60 anos;

• Pesar no mínimo 50kg;

• Não ter apresentado situações de gripe, febre ou resfriado recentemente;

• Não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas horas;

• Estar alimentado;

• Dormir bem na noite anterior à doação;

• Não ter sido exposto à situação de risco acrescido para infecções sexualmente transmissíveis.

Campanha mundial e nacional:

Criada em 2014 pela Organização Mundial da Saúde (OMS), a data é uma homenagem ao nascimento do imunologista austríaco Karl Landsteiner (1868-1943), que descobriu o fator Rh e várias diferenças entre os diversos tipos sanguíneos.

No Brasil, os serviços relacionados à doação de sangue são organizados pelo Sistema Único de Saúde (SUS), em que uma hemorrede atua para fornecer sangue e seus derivados a quem precisa.

 

Você pode querer ler

Mais quentes