Municípios mineiros enfrentam a crise do coronavírus com tecnologia

By

Evento Online das Cidades Digitais da Região de Belo Horizonte reúne gestores públicos de 40 municípios

O uso de tecnologias no enfrentamento da crise do novo coronavírus foi tema tratado por gestores públicos mineiros, na manhã desta terça-feira (18), durante o Webinar das Cidades Digitais da Região de Belo Horizonte que reuniu representantes de 40 municípios.

No encontro virtual, promovido pela Rede Cidade Digital (RCD), Belo Horizonte, Confins e Ouro Preto destacaram a importância de uma infraestrutura tecnológica e sistemas integrados para atender adequadamente a população diante da covid-19. Participaram ainda empresários, trazendo soluções de mercado disponíveis às Prefeituras, e o gestor de Projetos da Secretaria de Governo Digital, do Ministério da Economia, Álvaro da Costa Rondon Neto, que falou sobre as ações voltadas para a transformação digital dos serviços públicos no âmbito federal. “A RCD se coloca no papel de transmissora dessas informações que possam contribuir com a modernização dos municípios. Agora mais do que nunca a tecnologia precisa ser utilizada de forma estratégica e transversal na administração pública”, disse o diretor da RCD, José Marinho.

Para o representante do Ministério da Economia no evento mineiro desta terça, Álvaro da Costa Rondon Neto, o desenvolvimento de soluções web deve focar nas necessidades do cidadão. “Temos que levantar as informações, as necessidades e fazer um inventário de soluções, analisar de que forma o órgão pode atender o cidadão, definir o que é necessário e o que pode ser feito de forma online”, enumera Neto.

Em Confins, a secretária de Administração, Eliana Viana, lembra que a preocupação era manter o relacionamento com a população. A queda na arrecadação em 90% é outro desafio enfrentado com o início da pandemia no município, de pouco mais de 6 mil habitantes e que abriga o Aeroporto Internacional na Grande BH.

“Nós temos o município de Confins 100% ligado em fibra óptica. Isso gera uma maior confiabilidade das nossas redes de dados e foi um facilitador muito grande nesse momento de pandemia”, comentou a secretária, citando ainda diversas ferramentas utilizadas como a gestão eletrônica de documentos, câmeras de segurança, que monitoram o comportamento de pessoas e comércios, e ações voltadas para a transparência dos dados.

Outro destaque na região é Ouro Preto. Segundo o gerente de Tecnologia da Informação, Rafael Gomes, os investimentos em tecnologia fizeram com que o município pulasse de uma nota de 1,9 na escala Brasil Transparente, em 2016, para 8,85, em 2019, colocando Ouro Preto como a sexta cidade mineira mais transparente, conforme ranking do Ministério da Transparência e Controladoria Geral da União (CGU). “Tudo isso que foi investido em tecnologia desde 2017 está voltando para a população. As escolas estão conectadas, toda base de dados está unificada, vai possibilitar a telemedicina, com prontuário eletrônico unificado nessa base e certificado digital do médico”, observa o gerente de Tecnologia.

Para o superintendente da Empresa de Informática e Informação de Belo Horizonte (Prodabel), Thiago Rangel, a pandemia mostrou a importância da tecnologia no desenvolvimento das cidades. “De repente, a tecnologia fez parte da vida de todo mundo. Diante da pandemia, se  tornar referência para todos os serviços que a Prefeitura tem. Foi a oportunidade de mostrar um trabalho bem feito, que já vinha sendo preparado para tornar uma boa parte desses serviços remotos. Conseguimos ter uma reposta eficiente no momento de pandemia”,  avaliou Rangel, ressaltando o uso de geoprocessamento, sistemas e mapeamentos para tomada de decisão e atendimento à população.

O evento na íntegra, apresentado pela jornalista Valdireni Alves, estará disponível nesta quinta-feira (20) no canal da TVRCD: https://youtube.com/redecidadedigital. O Webinar das Cidades Digitais da Região Metropolitana de Belo Horizonte contou com a parceria da S. Clara Comunicação, Sonner e Compras BR. No portal da Rede Cidade Digital (http://redecidadedigital.com.br/) também é possível conhecer as diversas iniciativas nas cidades brasileiras voltadas para inteligência dos serviços e eficiência da máquina pública.

Você pode querer ler

Mais quentes