Naipe feminino do Ars Nova – Coral da UFMG apresenta Estrela, Estrela

By

O Ars Nova – Coral da UFMG publicou no Youtube um coro virtual da canção Estrela, Estrela, de Vitor Ramil, lançada em 1980 e já gravada por Gal Costa e Milton Nascimento. A performance do Ars Nova conta com uma formação especial: no vídeo, as vozes do naipe feminino são acompanhadas por piano e flauta transversal. Assista agora: https://youtu.be/pttqfHf5IYE.

No repertório do Ars Nova, a música faz parte do Medley de músicas compostas e interpretadas por Milton Nascimento, com arranjos vocal e para flauta transversal de Lincoln Andrade e arranjo instrumental e versão para piano de Fred Natalino. Em formato virtual, o Ars Nova apresenta um trecho do Medley à distância.

As vozes são de Amanda Moreira, Letícia Muniz, Lúcia Melo, Ariel Castilho, Núbia Eunice, Mariana Redd, Carol Claret, Sarah Reis, Sávio Fàschét e Sônia Apcon. O piano é tocado por Bruno Cruz e a flauta por Lúcia Melo. A produção é de Riane Menezes com assistência de Carolina Claret, e a mixagem de áudio e a edição de vídeo são de Leonardo Clementine.

O coro virtual é uma produção realizada à distância, com cada cantor na sua casa, segundo o contexto de trabalho remoto que o Ars Nova adotou em março de 2020 devido à pandemia global de coronavírus. Sua realização tem parceria da Universidade Federal de Minas Gerais, da Escola de Música da UFMG e da Pró-Reitoria de Extensão da UFMG.

O repertório de coros virtuais já lançados é diverso, incluindo as canções Apesar de Você, de Chico Buarque, MLK, do U2, Serenata na Floresta, de Schubert e outros. Todos os vídeos já estão disponíveis no youtube do Ars Nova.

Sobre o Ars Nova

O Ars Nova-Coral da UFMG vem representando a cultura brasileira e a UFMG ao longo de 61 anos, no Brasil e no exterior. Desde sua fundação, em 1959, o grupo conquistou inúmeros prêmios e condecorações em importantes festivais nacionais e internacionais e realizou mais de 1500 apresentações no Brasil e em outros 17 países. Atualmente, sob a direção artística do maestro Lincoln Andrade, o Ars Nova tem se apresentado em Belo Horizonte e outras cidades de Minas e do Brasil, além de realizar estreias brasileiras de diversas obras contemporâneas.

Em 2020, diante da pandemia, o Ars Nova vem lançando coros virtuais que já somam mais de 16 mil visualizações no Youtube, está participando de festivais online nacionais e internacionais e abriu um Concurso de Composição para premiar uma obra coral autoral e inédita, feita especialmente para este formato virtual.

Sobre o maestro

Lincoln Andrade é natural de Leopoldina-MG, possui doutorado em Regência pela University of Kansas (EUA), mestrado em Regência pela University of Wyoming (EUA), e é licenciado em Música pela Universidade de Brasília. Foi professor e maestro em diversas instituições e coros de prestígio, no Brasil e nos Estados Unidos. Atualmente é professor de regência na UFMG, coordenador e regente do Ars Nova-Coral da UFMG.

Serviço:

Ars Nova – Coral da UFMG apresenta ‘Estrela, Estrela’ em Coro Virtual

youtube.com/c/ArsNovaCoraldaUFMG

Fotos: Beatriz Cordeiro

Você pode querer ler

Mais quentes