O problema do álcool e outras drogas

By

Para sensibilizar a sociedade durante a Semana Nacional de Prevenção às Drogas, a Prefeitura de Contagem está promovendo, desde o dia 20 desse mês, uma série de ações com o tema “A vida é sua melhor viagem”. Em parceria com a  Comissão de Prevenção e Combate ao Uso de Crack e Outras Drogas da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), foi promovido um debate acerca das perspectivas da prevenção ao uso de drogas e álcool, especialmente quanto aos jovens e ao papel da educação.

O debate aconteceu no Plenarinho IV, na presença de estudantes, comunidades terapêuticas, entidades da sociedade civil e membros de colônias de hanseníase. Uma das mentoras do encontro, a presidente do Conselho de Políticas Sobre Álcool e Outras Drogas de Contagem, Soraya Romina, considera que há, pelo menos, dois importantes desafios no campo da prevenção ao uso abusivo de álcool e drogas. Um diz respeito ao engajamento da sociedade. Na opinião da presidente “é impraticável uma sociedade permissível ao uso de álcool, especialmente, dentro de casa como rito de passagem”. O outro desafio refere-se ao campo da comunicação. “Como chegar a esse público com uma linguagem criativa, assertiva e direta, que comunica exatamente da forma como eles estão comunicando com o mundo, que é via facebook, whatsapp, instagram, youtube e outros meios modernos”.

De acordo com Romina, em Contagem, o Conselho optou pela abordagem positiva para aproximar-se da juventude. “Muitas vezes escutamos dos jovens que eles usam drogas para dar uma viajada e aliviar a angústia. Procuramos dizer o contrário: que a vida é sua melhor viagem”. A presidente ainda contestou o entendimento de que o uso de drogas se dá em regiões de alta vulnerabilidade. “Lamentavelmente, o uso e abuso está presente em universidades, nas escolas em bairros nobres e em periferias, enfim, é uma situação que atinge o conjunto da população. Portanto, não há dúvidas que precisamos criar caminhos para mudar essa realidade”, destacou.

Você pode querer ler

Mais quentes