PLANO DIRETOR: LEGISLATIVO E EXECUTIVO REALIZAM MAIS UM ENCONTRO DE TRABALHO

By

O presidente da Câmara Municipal de Contagem, Daniel Carvalho (PV), e os demais vereadores receberam, na manhã desta segunda-feira (27), o prefeito Alex de Freitas (PSDB) e seu secretariado para uma reunião de trabalho sobre a proposta de Plano Diretor apresentada ao Legislativo no último dia 21 de novembro. Participaram do encontro os secretários de Governo, Marius Carvalho; de Desenvolvimento Urbano, Ivayr Soalheiro; de Desenvolvimento Econômico, Sant Clair Schmiett Terres; e de Meio Ambiente, Wagner Donato, e suas equipes técnicas.

Daniel Carvalho iniciou a reunião apresentando os parlamentares que foram indicados para a Comissão Especial formada exclusivamente para cuidar do processo de votação do Plano Diretor, presidida pelo vereador Bruno Barreiro (PV) e tendo Pastor Itamar (PRB) como relator. Completam a comissão os vereadores Arnaldo de Oliveira (PTB), Leo Motta (PSDC), Rogério Marreco (PCdoB) e Caxicó (PPS).

“Aproveito ainda para informar que foram definidos os trâmites legais da tramitação, conforme a legislação determina e que realizaremos audiências públicas nos dias 09 e 13 de dezembro, no Plenário da Câmara”, informou Daniel Carvalho.

O presidente da Câmara deu as boas vindas ao prefeito e toda a equipe reiterando a disposição da busca do bom relacionamento entre Legislativo e Executivo tendo como interesse maior a melhoria da qualidade de vida do cidadão contagense e o desenvolvimento sustentado do município.

Alex de Freitas destacou a importância do projeto para a cidade, agradeceu à equipe técnica pelo empenho que culminou com a atual proposta de Plano Diretor, que vem sendo tratado pelo governo como uma estratégia de crescimento da cidade. “Nossa chance de alavancar o desenvolvimento de Contagem, em todas as áreas, é enorme e temos a certeza de que a cidade toda sairá ganhando com o aprimoramento da legislação”, explicou.

Os vereadores dedicaram atenção às explanações realizadas pelos secretários Ivayr Soalheiro, Wagner Donato e Marius Carvalho e suas equipes técnicas, que esclareceram detalhes sobre a proposta de macro zoneamento considerando as bacias e regiões e explicaram o que significa a proposta de acabar com a zona rural no município. “Nós estamos aqui para dizer o que pode e o que não pode, o que passa a poder e o que continuará não podendo, como construir na mata da Arcádia. A mata será preservada como defende a população contagense”, lembrou Soalheiro.

Depois de responderem a várias indagações, os técnicos se colocaram à disposição da Câmara para debater as propostas de maneira incansável, a qualquer momento que for necessário, uma vez que o interesse do governo é o de emprestar à discussão total transparência e a publicidade dos atos e informações é a melhor maneira para se conseguir tal feito.

Quanto à minuta da Lei, na medida em que os vereadores forem lendo e discutindo, novos encontros serão agendados para ampliar o debate.

* Por Fleury Rosa

Fotos: Samuel Junio Tomaz

Você pode querer ler

Mais quentes