Qual a diferença entre ultrapassagem em local proibido e forçada?

By

Por Inspetor De Paula*

Infrações dessa ordem ja vigoram, desde 01 de novembro 2016, pondendo variar de R$ 957,70 a 1.915,40 e chegar a 3.850,00 se voltar a ocorrer no período de 12 meses

O condutor que ultrapassar mais de um veículo de cada vez ou fizer essa manobra junto com um segundo veículo que já iniciou a ultrapassagem, ou ainda sem tempo hábil para retornar a sua faixa de rolamento, por exemplo, poderá ser autuado por estar realizando uma “ultrapassagem forçada”, mesmo em trecho onde é permitido fazê-la.

Mas o motorista brasileiro pouco entende sobre isso e não sabe a diferença entre ultrapassagem forçada e proibida. Inspetor De Paula Palestrante Especialista em Segurança no Trânsito, explica que o condutor brasileiro acredita que é permitido ultrapassar vários veículos de uma única vez em local permitido, sem entender que, quando o faz está, na verdade, trafegando no sentido contrário da via – e não ultrapassando somente.

Essa atitude é comum por parte dos condutores que já se acostumaram com comportamentos inseguros como esse, pois, além de uma formação ineficiente, entende de maneira equivocada que esse comportamento é permitido em local com faixa seccionada.

A preocupação com a fiscalização é o que norteia a conduta dos condutores brasileiros que, com a presença de policiamento, muitas vezes deixa de fazer uma manobra permitida e, sem a presença dos mesmos pratica ultrapassagens forçadas e proibidas apesar da possibilidade de gerar um acidente que costuma deixar vítimas graves e muitas vezes fatais.

Dessa forma, De Paula acredita que essa medida vai controlar o número de acidentes somente de maneira pontual e paliativa pois assim como foi a Lei Seca, só inibirá o comportamento inadequado do condutor, em sua maioria, enquanto houver fiscalização.

Após feriados prolongados e temporada de férias escolares, diminuindo a fiscalização, com certeza o número de acidentes volta a subir. Isso ocorre, em sua opinião, porque o condutor além de não conhecer muitas regras de trânsito, não tem idéia da importância das mesmas pois, para ela, ao assumir uma ultrapassagem de maneira irresponsável, colocando a própria vida e a de outros em risco e o único resultado disso é apenas uma multa mesmo que de R$ 1.957,70, o resultado é extremamente positivo frente a possibilidade de não chegar ao seu destino pelo perigo que foi exposto a si e a terceiros nessa manobra.

*Inspetor De Paula – Educador de Trânsito

Você pode querer ler

Mais quentes