SAÚDE NO AZUL OU VERMELHO?

By

Dra. Kenia
Nepomuceno
Psicóloga

Quando em 2011, a campanha novembro azul foi lançada, o intuito foi, para trazer um olhar,foco exclusivo para a saúde masculina, sabendo que ainda existe grande indiferença quanto aos cuidados com a própria saúde.
De modo crescente, o mês de conscientização e combate ao câncer de próstata, traz consigo a relevância ao cuidado com a saúde masculina por meio da prevenção, que por sinal deve ser cultural e criada desde a infância, gerando o habito sempre de cuidar da saúde física, espiritual e mental. Por tal razão, a campanha acontece mundialmente e seu intuito é quebrar paradigmas de que os homens tendem a ter maiores dificuldades em buscar por
ajuda. Dado o enfoque maior, um fator preocupante é a forma, como a construção social quanto a masculinidade foi formando-se ao longo da
história, ouvimos por décadas e ainda hoje, que os homens só vão ao médico quando não estão aguentando mais, ou só vão se for acompanhado
por um familiar após muita insistência.  Por isso precisamos falar sobre a saúde masculina, sobre o mês de novembro, e sua propagação, pois o câncer de próstata é uma doença silenciosa e aparentemente sem sinais visíveis e quando identificada geralmente está em nível avançado. Quando a doença é diagnosticada em nível inicial, com a ajuda do avanço tecnológico, cerca de 70% dos casos são revertidos e não necessitam de intervenções como radioterapia ou quimioterapia, terapias mais agressivas ao corpo humano. Hoje o câncer de próstata é a segunda doença que mais afeta a saúde masculina, juntamente com o câncer de pele, sendo o sinal de como os homens, não estão ainda voltados para sua saúde física.
Um preconceito ainda existente, é que o câncer de próstata, acomete somente a população idosa, sendo essa informação uma inverdade, cada vez
mais temos diagnósticos precoces, o que possibilita tratamento e readequação na qualidade de vida.
Se você homem, ainda não sabe quais iniciativas ter, busque por apoio médico, como o médico da família, clínico geral ou proctologista/urologista, solicitando o exame sanguíneo PSA (Antígeno Prostático Específico) ou exame de toque, a idade indicada para buscar por estes exames específicos é a
partir dos 45 anos de idade, mas caso na família tenha histórico de câncer a busca pelo cuidado deve ser a partir dos 40 anos de idade. Crie motivos para cuidar de si, busque ter uma vida com atenção aos hábitos alimentares, médicos, físicos, buscando a longevidade e bem-estar, criando meios de fortalecer ainda mais sua masculinidade.

Você pode querer ler

Mais quentes